53. Forças Armadas – A Mãe Rússia & o Dragão Chinês

Nosso texto de hoje continua avançando no tema do último post, as maiores potências militares do mundo. Hoje, estão presentes em nosso blog os 2º e 3º colocados em nossa lista. Ao lado dos EUA, formam um tripé bélico tremendamente independente entre si. São as 3 maiores potencias militares do planeta.

A Guerra Fria pode voltar? Novas rivalidades surgiram nos últimos anos, existe essa possibilidade sim.

2º Rússia – 1.868 Pontos

Os russos gastam por ano 60 bilhões de dólares nas forças armadas, quase 10 vezes menos que os norte-americanos. Isso é explicado pelo fato do  PIB russo ser relativamente do mesmo nível que o brasileiro, muitas vezes menor que o dos EUA. Mas nunca os menospreze,  a Rússia é a grande herdeira da tecnologia e do arsenal militar da URSS, que investia maciçamente em suas forças armadas para fazer frente aos norte-americanos.

0x01 graphic

Porta-aviões Almirante Kuznetsov, orgulho da marinha russa. Imagem: Internet.

.

Mesmo estando decadentes, quando comparados ao antigo exército soviético, os russos ainda provocam arrepios pelo mundo, como observado na recente crise na Ucrânia. Estão em uma fase de renovação de suas forças armadas e possuem 766 mil  militares prontos para a batalha, 15.398 tanques, 3.429 aviões militares, 55 submarinos, 52 navios de guerra, entre eles 1 porta-aviões.

0x600

Vladimir Putin, o homem mais poderoso do mundo. Veja mais no site da Revista Forbes

.

A revista Forbes, no ano de 2014, colocou o presidente da Rússia, Vladimir Putin, como o homem mais poderoso do mundo, superando pela primeira vez o presidente dos EUA. Esse inusitado fato não está relacionado somente a uma comparação entre os dois países, e sim com o domínio exercido por cada um no país que governa. Nos EUA, Obama enfrenta uma forte oposição interna por parte do partido Republicano, enquanto Putin, ex-agente da KGB¹,  domina completamente a política de seu país desde 1999.

Moderno tanque T-90, de fabricação russa. Imagem: Internet

.

Em 2015, o chefe do Kremlin², fez referência ao ambicioso programa de rearmamento russo a ser implementado. A renovação tem como prioridade os submarinos nucleares, aviação estratégica e os poderosos mísseis intercontinentais. Esses últimos  conseguem atingir alvos a partir de 5.500 Km de distância. Somente 5 países possuem esta incrível arma: EUA, Rússia, França, Reino Unido e China. Saiba mais no site Wikipédia.

Putin prometeu o incremento de mais 40 mísseis intercontinentais ao aparato militar russo. reportagem: Blog Sempre Guerra.

.

Não poderíamos deixar de escrever sobre o armamento mais famoso do planeta, um ícone, criado na União Soviética logo após a 2º Guerra mundial, a AK-47.

O fuzil de assalto AK-47 (Avtomat Kalashnikova – 47, fuzil automático Kalashnikov, modelo de 1947) é considerado o fuzil mais confiável e durável do mundo, além de possuir uma fácil manutenção. Foi criado por Mikhail Kalashnikov, um jovem sargento das forças soviéticas que fora ferido em combate em 1942.

ap120426125189

Vladimir Putin utilizando uma moderna AK-47. Imagem: Internet

.

Estima-se que o número de exemplares produzidos tanto na Rússia como sob licença em países como a Bulgária, China, Hungria, Índia, Coreia do Norte, Romênia entre outros, chegue a impressionante cifra de 90 milhões. Por ser relativamente barato e facilmente encontrado no mercado negro, é frequentemente encontrado nas mãos de terroristas.

3º China – 2.341 Pontos

Os chineses gastam por ano 145 bilhões de dólares em suas forças armadas. Em termos de quantidade é o campeão com folga, possuindo incríveis 2,3 milhões de militares prontos para a batalha. Isso é quase 1 milhão a mais que os EUA. Hoje em dia, com o aumento cada vez mais expressivo da tecnologia militar, o número maior de soldados não quer dizer, necessariamente, possuir uma força mais poderosa. Para um país, que há 30 anos atrás era um mero coadjuvante no cenário mundial, um 3º lugar é mais que louvável.

http://www.aereo.jor.br/wp-content/uploads/2011/01/J-20-first-flight-122.jpg

J20, Caça Chinês de 5º Geração, a mais moderna do mundo. Veja mais no site Poder Aéreo.

.

Possui 9.150 tanques, 2.860 aviões militares, 673 navios de guerra, entre eles 1 porta-aviões e 67 submarinos.

Pode não ser o exército mais poderoso do mundo, mas com 1,3 bilhão de habitantes, a China promove preocupações em qualquer um. É um número quase infinito de habitantes aptos ao treinamento militar em caso de necessidade. Para comparação, são quase 7 vezes mais populosos que o Brasil.

Maior exército do mundo. Imagem: Internet.

.

Outro fator importante é o fato da China ser o país que mais cresceu economicamente nos últimos 30 anos. Como o espetacular crescimento econômico continuará por mais alguns anos, tendenciosamente as formas armadas aumentarão seu orçamento.

Amplie seu conhecimento vendo o vídeo “O assustador exército chinês”, no site Youtube.

No próximo texto, finalizaremos o assunto mostrando o restante do ranking e as condições da forças armadas brasileiras. Imperdível!

Espero ter aumentado o conhecimento de todos os leitores. Curtam nossa página no Facebook e compartilhem nosso texto! Abraço do Clebinho!

Publicado em 22.07.2015

1 – KGB – É a sigla em russo de Komitet Gosudarstvennoi Bezopasnosti, cujo significado em português é Comitê de Segurança do Estado. Foi a principal organização de serviços secretos da União Soviética. Esteve em funcionamento entre 13 de março de 1954 e 6 de novembro de 1991.

2 – Kremlin – É uma fortaleza situada no centro de Moscou e que serve de sede do governo da Rússia.

 

9 comments to “53. Forças Armadas – A Mãe Rússia & o Dragão Chinês”
    • Se o Putin deveria ser respeitado, imagina agora que o Trump vai nomear para o principal cargo nos EUA, após o presidente, uma amigo de negocinhos com o Putin.

  1. a russia tarde ou cedo sera reconhecido pelo mundo ou pelo estado udos em particular como potencia na europa e tambem poderao com tempo reconhecer o irao como potencia no oriente medio e ou no mundo arabe e nao esquecer tambem a corea do norte como possivel potencia na penisula e a china como potencia na asia a eua mantem como potencia no continente americano e a africa do sul assume a africa.

    • Carlos Gouveia, não entendi bem a ordenação das ideias dos comentários que você fez, inclusive um feito em outro post, mas, até onde pude entender, discordo da sua lógica e análise. Acreditar que a guerra no Oriente Médio acaba por Trump ser eleito e Putin ser reconhecido como a maior potência da Europa, é meio utópico. A última vez que isto aconteceu, tivemos uma guerra mundial.

    • Carlos, e para mal dos pecados, o embaixador russo na Turquia acaba de ser assassinado.
      Você tava falando em paz global?

    • Esse fato é perigoso. A Turquia faz parte da OTAN e está bem próxima da Rússia, qualquer problema envolvendo os dois pode colocar meio mundo em guerra.

    • Enquanto uns acham que vai melhorar (tenho parentes que estão colocando suas esperanças de um mundo melhor, inclusive para o Brasil) com a assunção do Trump, eu fico preocupado e começo a desconfiar que o avião que caiu com russos tenha sido alvo de ataque, como aquele avião civil que foi atingido no espaço aéreo da Ucrânia. Tô achando que a coisa vai complicar… especialmente depois da questão de Israel na ONU. A posição do Trump é pra lá de BÉLICA !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *