82. Ícones Mundiais – As Pirâmides e o Cristo

Em nosso último texto, abordamos duas monumentais construções humanas, a Estátua da Liberdade e a Torre Eiffel. No texto de hoje mostraremos mais duas grandes obras:

Pirâmides do Egito

A civilização egípcia era tremendamente religiosa. Eram politeístas, acreditavam em vários Deuses. Outra característica típica era a crença na vida após a morte, uma característica marcante dos antigos egípcios. Dito isso, os faraós eram mumificados para que estivessem preservados no além vida.

Retiravam todos os órgãos do poderoso líder e passavam em seu corpo uma complexa mistura para embalsamamento. Somente o coração permanecia, por ser um  órgão ligado as emoções. Após esse preparo, enrolavam faixas de linho em todo corpo.

Veja mais sobre a múmia de Tutankamon, a mais famosa de todas no site Só História.

fotos-madrid-exposición-tutankamon-032

Belíssimo sarcófago de Tutankamon. Imagem Internet.

.

Se a preparação do corpo era tão meticulosa, o lugar de sepultamento mais ainda. É aí que entram as pirâmides. Não existe consenso absoluto sobre o verdadeiro sentido das obras, os historiadores acreditam que as pirâmides poderiam ser, além de túmulos, locais de adoração aos deuses ou simplesmente, pretensas conexões com o mundo além vida.

Como elas foram construídas ainda é cercado por algum mistério, existem suposições, como pode ser observado no site da revista Mundo Estranho.

Outro Blog, Fascínio Egito, também faz uma completa reportagem sobre o assunto.

Estima-se que existam cerca de 120 pirâmides no Egito. A mais antiga de todas já catalogada data de 2.630 anos antes de Cristo e é conhecida como pirâmide de Djoser, projetada pelo arquiteto Imhotep.

c39fc6fce62d4c058f9c5b9f83bf8803

Pirâmide de Djoser. Imagem: Internet.

.

As obras mais famosas estão localizadas próximas a cidade do Cairo, capital do Egito, em um local chamado de Necrópole de Gizé. Dentro do complexo, a maior pirâmide é a de Queóps, que chegou a ter mais de 140 metros de altura. Hoje, se desgastou um pouco, mas permanece como a única maravilha do mundo antigo ainda de pé. Ao seu lado, ficam as pirâmides de Quéfren e Miquerinos, formando a sequência pai, filho e neto.

piramides

Pirâmides de Queóps, Quéfren e Miquerinos. Imagem: Internet

.

Um dado interessante é que todas as pirâmides foram construídas na margem oeste do Rio Nilo, onde ocorre o pôr do sol. Obviamente uma ligação com o fim da vida.

As pirâmides eram vigiadas por fora, o acesso ao túmulo do faraó era praticamente impossível. Em alguns casos, até mesmo os arquitetos que projetaram as pirâmides foram mortos, para que o segredo dos intrincados caminhos internos não fossem revelados.

Em um curto vídeo, você pode acessar a parte interna da pirâmide, confira no site Youtube. 

Esfinge

É uma imagem mitológica criada pelos egípcios, com corpo de leão e cabeça de humano. A mais famosa é chamada de Esfinge de Gizé, e fica na necrópole de mesmo nome.  É a maior estátua feita de monólito no mundo, com 73,5 metros de comprimento, 19,3 metros de largura e 20,22 m de altura. Foi projetada e esculpida durante o reinado do faraó Quéfren ( 2558 aC – 2532 aC).

esfinge-egipcia

Esfinge. Imagem: Internet

.

Para os egípcios antigos a imagem de uma esfinge significava poder e sabedoria. Serviam, no imaginário antigo, como protetoras das pirâmides e templos.

A revista Mundo Estranho elucubra sobre como a esfinge perdeu o nariz, confiram.

Cristo Redentor

É uma magnífica estátua no estilo art déco, que representa Jesus Cristo, localizada no cume do morro do Corcovado, na cidade do Rio de Janeiro.

No século XIX foi proposto pela primeira vez a criação de um enorme símbolo cristão sobre a cidade do Rio de Janeiro. Porém, com a criação da República em 1889, e a separação entre Estado e igreja, a ideia foi descartada.

Na década de 1920, a ideia voltou à tona, dessa vez mais forte, e os católicos começaram a arrecadar dinheiro e assinaturas para iniciar o empreendimento. O projeto vencedor foi a figura de um cristo de braços abertos, projetado pelo engenheiro Heitor da Silva Costa e esculpida por Paul Landowski, um escultor franco-polonês.

http://www.cimentoitambe.com.br/wp-content/uploads/2011/11/cristo_redentor1.jpg

Construção do Cristo Redentor. Imagem: Internet

.

A estátua é de concreto armado, com o exterior feito de pedra-sabão. Demorou 9 anos para ser construída, sendo inaugurada em 12 de outubro de 1931,  ao preço de 250 mil dólares (ou 3,3 milhões de dólares em valores atuais). Ao longo das últimas décadas, foi restaurado e o seu entorno modernizado com escadas rolantes e elevadores.

cristo_redentor_em_construcao

Cabeça do Cristo sendo esculpida. Imagem: internet

.

Como estamos no Brasil, polêmicas envolvem a estátua, como o direito de comercializar a imagem da mesma. No ano passado, o diretor José Padilha teve negado pela arquidiocese do Rio, detentora dos direitos de imagem do Cristo, a aparição do monumento no filme “Rio, Eu te amo”. Confira no site do Jornal O Globo.

Deixando a polêmica de lado, nosso Cristo Redentor acumula os títulos de maior símbolo do Rio de Janeiro, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno e Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Incontáveis cidades do Brasil e do mundo possuem réplicas do Cristo de braços abertos.

cristo_redentor.jpg2

Cristo Redentor. Imagem: Internet

.

A estátua possui 30 metros de altura, somados a mais 8 do pedestal e está localizada a 709 metros de altitude. Já foi tema de inúmeras músicas como “Corcovado” de Tom Jobim, apareceu em diversos filmes, novelas e séries. É um dos maiores ícones do Brasil e da fé católica, um grande orgulho para todos nós.

Height_comparison_of_notable_statues_(vector).svg

Comparação entre a impressionante estátua de Buda, no Japão, a Estátua da Liberdade, a Mãe-terra na Rússia e o Cristo. Imagem: Internet.

.

No próximo texto fechamos a saga dos ícones com mais duas construções incríveis, imperdível!

Espero ter aumentado seu conhecimento.  Curta nossa página no Facebook e compartilhe nosso texto! Abraço do Clebinho!

Publicado em 01.11.2015

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *