17. Cadê a Mata Que Estava Aqui?

Mata Atlântica

Todos os biomas* do Brasil já foram, ou estão sendo, duramente desfigurados pelos brasileiros ou por pessoas representando outros interesses. Nenhum deles, entretanto, sofreu tanto quanto a Mata Atlântica. Uma floresta a beira da extinção.

Área de abrangência da Mata Atlântica original. Fonte:blogconexaosocial.blogspot.com.br

Área de abrangência da Mata Atlântica original.
Imagem: www.blogconexaosocial.blogspot.com.br

A Mata Atlântica é um  bioma  de floresta tropical que abrangia quase toda a costa leste do litoral Brasileiro. Estendia-se, em grande quantidade, do Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul. Originalmente cobria 1,3 milhão de quilômetros quadrados, cerca de 15% do território nacional.  Estava distribuída por 17 estados brasileiros. Pelo fato de estar localizada sempre próxima ao litoral, de frente para o  Oceano Atlântico, seu nome não poderia ser melhor.

http://i0.statig.com.br/fw/4x/mj/2k/4xmj2kd5u5ung57e8wx2cz53m.jpg

Mata Atlântica e Ocêano Atlântico – Paisagens belíssimas
Imagem: www.ultimosegundo.ig.com.br

Segundo pesquisadores, os seres humanos vivem na região da floresta desde 10 mil anos atrás. Porém, a partir de 1500, com a colonização europeia, as coisas fugiram do controle. A floresta foi agredida por vários ciclos econômicos ao longo dos últimos séculos.

Desmatamento e Ciclos Econômicos

Logo na largada, ainda no século XVI, a extração de Pau-Brasil foi a primeira agressão. Entre meados do século XVI ao XVII veio o ciclo do açúcar no Nordeste, a mata foi ao chão para dar lugar a plantações de Cana-de-açúcar.

Uma das primeiras pinturas da costa brasileira, no século XVI. O desmatamento a todo vapor.
Imagem: historiativanet.wordpress.com

No final do século XVII e primeira metade do  XVIII, o Brasil viveu o Ciclo do Ouro, novas regiões foram povoadas e o desmatamento continuou:

http://www.10emtudo.com.br/_img/upload/aula/_4692_1.gif

Desmatamento, em verde, durante o ciclo do Ouro.
A Madeira era usada em praticamente tudo: aquecimento, fabricação de casas, currais, escora das minas e ferramentas.
Imagem: www.10emtudo.com.br

Na sequência, no século XIX,  veio o café, na região Sudeste, e mais uma vez a floresta foi trocada por plantações. Durante o século XX, quem pressionou a floresta foi o próprio aumento populacional do Brasil. Atualmente, cerca de 72% da população brasileira vive na área de influencia da Mata Atlântica.   São mais de 145 milhões de habitantes em 3.429 municípios, que correspondem a 61% dos existentes no Brasil.

http://4.bp.blogspot.com/-Q5dPKgm6P8c/ThYGQLz_m5I/AAAAAAAAMBk/azyky4PYZM4/desmatamento_thumb%25255B2%25255D.jpg?imgmax=800

O Dinheiro sempre fala mais alto. Fonte:rodrigobennett.blogspot.com.br

A Extinção

Atualmente, segundo algumas estimativas e análises de estudiosos, restam 8,5 % de remanescentes florestais, acima de 100 hectares, do que existia originalmente. Somando esse total a todos os fragmentos de floresta nativa, temos atualmente 12,5% do que foi a floresta encontrada por Cabral em 1500:

http://1.bp.blogspot.com/-cze-rnI7EeE/TaH9AZxIc2I/AAAAAAAARtY/wjQaW2fWLBc/s1600/MATA%2BATL%25C3%2582NTICA.jpg

Mapa Comparativo da Evolução do Desmatamento.
Imagem: www.ambiente.hsw.uol.com.br/mata-atlantica1.htm

Fauna

O Brasil possui 633 espécies de animais que estão sob risco de extinção e, deste número, 383 tem a Mata Atlântica como seu habitat. Alguns deles são espécies endêmicas, ou seja, só encontradas naquele local. Um desses animais, o Mico-Leão-Dourado, é um dos melhores exemplos, tem “batido na trave” da extinção.

Na década de 1980, só existiam 200 desses animais  livres na floresta. Após o susto, e com trabalho intenso de ecologistas, hoje são mais de 3200. Incrível como o mesmo ser humano que destrói, também tem capacidade de reconstruir. Nossa atual nota de 20 reais homenageia esta espécie guerreira, vítima de uma sociedade impiedosa.

20_back

Homenagem ao Mico Leão em nossa cédula de 20 Reais. imagem: internet

Flora

Em relação a vegetação, mesmo com a devastação tresloucada da mata, ainda resistem 20 mil espécies diferentes, das quais, 8 mil endêmicas. Só para você ter uma ideia da riqueza, em todo o território europeu são contabilizadas somente 12.500 espécies.

http://mudasnativas.org/wp-content/uploads/2010/02/mudas-da-mata-atlantica.jpg

A diversidade da Mata Atlântica possibilita lindas imagens
Imagem: http://www.mudasnativas.org

Não podemos esquecer que, da Mata Atlântica, fluem  milhares de nascentes e cursos d’água que abastecem as maiores cidades do Brasil. Além de controlar o clima, ser fonte de alimentos e plantas medicinais e entreter  a população através do lazer, ecoturismo e excursões.

Se quisermos uma qualidade de vida melhor, precisamos salvar a Mata Atlântica da extinção.

Todos que se interessarem pela defesa e recuperação da Mata Atlântica terão no site SOS MATA ATLÂNTICA um espaço privilegiado de participação. Neste momento, nosso estado, Minas Gerais, junto com o Piauí, são os maiores destruidores do que restou da Mata. Vamos reverter esta situação?

Espero ter aumentado o conhecimento de todos os leitores. Curtam nossa página no Facebook e compartilhem nosso texto! Abraço do Clebinho!

Publicado em 18.03.2015

* Bioma substantivo masculino (ECO)

1. grande comunidade geograficamente definida, estável e desenvolvida, adaptada às condições ecológicas de uma certa região, e geralmente caracterizada por um tipo principal de vegetação, como, por exemplo:  a Floresta Temperada; Pantanal, Mata Atlântica, Cerrado.

2. clímax de uma determinada região; biocoro.

 

 

 

2 comments to “17. Cadê a Mata Que Estava Aqui?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *